Insights

Notícias, novidades e informações sobre o mundo Hard Tech

Gerenciamento de Infraestrutura na Nuvem: o que é e por que usar?

por: Inmetrics em

| 10.07.2019

A computação em nuvem (ou Cloud Computing, em inglês) é aquela ferramenta que você certamente já usou ou usa, diariamente, no seu trabalho ou para armazenar as fotos da última viagem com a família.

Com a competitividade do mercado, tornou-se essencial no planejamento estratégico de qualquer organização. Porque impacta diretamente seus resultados com mais flexibilidade, escalabilidade e mobilidade operacional.

Sabe aquele tempo gasto com rotinas de manutenção e gestão de TI? Com o Cloud Computing ele pode ser dedicado a outra atividade. Demais né?

E esse é  tema do nosso artigo de hoje. Quer saber mais sobre a ferramenta e todas as vantagens que ela pode trazer para a sua empresa? Continue a leitura. A gente te conta!

O que é e por que usar?

O gerenciamento de serviços em nuvem é voltado para a execução de todas as rotinas de gestão e manutenção de uma infraestrutura de Cloud Computing.

Gerenciamento de Infraestrutura na Nuvem é quando uma organização recruta um time especializado para atuar no processo de gestão e organização do ambiente na Nuvem.

Nesses casos, a empresa atua de forma mais focada e estratégica no seu ramo de atuação. Já que as rotinas de gestão estarão direcionadas a outros times. Além disso, toda a infraestrutura de Cloud Computing estará mais flexível, disponível e alinhada às suas necessidades.

Na prática, ela auxilia em todas as rotinas de gestão e manutenção de uma infraestrutura desde a implementação dos serviços na nuvem  à correção de problemas.

Como resultado, a empresa atinge uma maior confiança do cliente, que poderá ser comunicado sobre a existência de um plano de contingência, baseado nas melhores práticas de governança de TI, para todos os seus dados e processos alocados na Nuvem.

Além disso, rotinas como monitoramento de recursos, suporte a usuários, verificação de disponibilidade, gestão de bancos de dados, gerenciamento das licenças de software, monitoramento dos recursos de rede e servidores, definição e disponibilização de VPNs, poderão ser realizadas. Tudo isso adaptado ao processo interno de cada organização, seu perfil, metas, planejamento estratégico, legislação e normas de compliance.

O resultado que a organização atingirá com o Gerenciamento de Infraestrutura na Nuvem é uma das suas principais vantagens. E se o aumento de resultados não for suficiente para a sua escolha, a gente traz outras vantagens que a ferramenta irá trazer para sua empresa tais como a redução de custo, maior competitividade, aumento de segurança e confiabilidade e apoio de especialistas.

Acredita-se que o grande objetivo de empresas privadas é viabilizar a infraestrutura de TI em termos de custo e, sobretudo, de uma forma que consiga suportar a missão da empresa e garantir a confiabilidade e segurança na entrega de seus serviços.

Escrito por Danilo BarsottiDiretor de Cyber Security e Cloud Computing.

Quer saber mais sobre Gerenciamento de Infraestrutura na Nuvem?